Controlar as finanças do salão de beleza: 05 dicas fundamentais

10 de julho, 2019

Gestão

 

Qualquer negócio precisa de cuidados para ter uma boa saúde financeira e conseguir se desenvolver. Hoje, iremos falar sobre a importância do controle de finanças do salão de beleza.

 

Por falta de conhecimento, muitos empresários acabam caindo na cilada de gastar mais do que a empresa fatura e, assim, ter que fechar as portas por não saber lidar com o dinheiro.

 

Com planejamento e hábitos regulares, você irá perceber que administrar o departamento financeiro da empresa não é um bicho de sete cabeças.

 

Preparamos 5 dicas para controlar as finanças do seu salão de beleza e ajudar o seu negócio a crescer.

 

 

Controlar as finanças do salão de beleza

 

 

1. Administre o Dinheiro

 

Se você não souber o quanto entra no caixa e o quanto precisa sair, não saberá se o salão de beleza está efetivamente dando lucro ou até mesmo dando prejuízo.

 

Planilhas são ótimas opções para controlar tudo que acontece entre o faturamento e as contas a pagar e identificar o movimento que o seu dinheiro faz para desenvolver o negócio.

 

Diferencie as formas de pagamento mais usadas para fornecedores e também para recebimento dos clientes, como cheques, boletos, cartão e quais contas operam essa movimentação para saber onde o dinheiro entra e sai.

 

Tenha na ponta do lápis todas as tarifas deduzidas de serviços, como conta-corrente, operadora da máquina de cartão, água, luz, telefone e internet.

 

Acompanhe os custos para saber se as cobranças estão de acordo com a contratação e se houve algum aumento ou cobrança indevida, que pode acontecer.

 

 

2. Estude seu Mercado

 

 

Conheça o ramo de beleza e estética e entenda como é o movimento deste mercado para não ser pego de surpresa.

 

Todos os segmentos possuem períodos mais lentos ao decorrer do ano, mas esse não é o caso dos salões de beleza. Mesmo assim, é importante compreender o ritmo do seu ramo de atuação para planejar as finanças e saber quando investir e quando poupar.

 

O fim de ano é uma das épocas mais intensas, devido a quantidade de eventos sociais e mais dinheiro circulando com pagamento de férias e 13º salário. Por isso, os clientes decidem cuidar da beleza e se produzir para as festas.

 

O começo de ano já opera mais devagar por ser um período de custos altos, como matrícula escolar, impostos, entre outros, que acabam comprometendo a renda e fazendo com que o cliente adie a visita ao salão.

 

Ter essas informações de forma clara permitem traçar um planejamento de curto e médio prazo para o negócio.

 

 

3. Evite Desperdícios

 

 

O controle de uso dos produtos e ferramentas é essencial para que se gaste apenas o necessário ao atender os clientes e realizar procedimentos.

 

Shampoo, condicionador, água, produtos ligados na tomada. Tudo pode ser dosado e usado conforme a necessidade.

 

Preste atenção no uso de seus equipamentos e veja a diferença na hora de pagar as contas e repor o estoque.

 

 

4. Controle seu Estoque

 

 

Para evitar compras sem necessidade e desfalque de produtos, tenha sempre o controle do seu estoque atualizado.

 

É interessante que alguém seja responsável pela verificação dos produtos e controle de uso dos mesmos para saber quando pedir ao fornecedor e qual a quantidade ideal.

 

Muitos empresários pecam por não dar atenção ao estoque e nem percebem que o seu dinheiro vai embora porque prateleiras estão cheias ou com mercadoria mal usada.

 

Compre o produto necessário na quantidade essencial e veja a diferença. Isso também vale para os produtos à venda no salão; invista conforme a demanda e interesse da clientela.

 

 

5. Treine sua Equipe

 

 

Nenhuma das dicas anteriores será efetivamente boa se você não tiver profissionais bem preparados para colaborar com o crescimento do salão e melhor uso de suas finanças.

 

No treinamento de iniciação de sua equipe, ensine-os sobre o estoque, uso de produtos e qual a melhor forma de economizar e ainda otimizar um serviço.

 

Não basta agir para economia do salão e enriquecimento do patrão. Suas técnicas devem beneficiar os próprios profissionais que trabalharão para essa economia e bom uso dos recursos.

 

Mostre como usufruir deste trabalho bem pensado pode ser melhor para execução de procedimentos e o atendimento final e sua equipe participará da sua proposta.

 

Agora é arregaçar as mangas e planejar as finanças do salão para maior controle de recursos e aumentar as chances de um investimento mais significativo para seu salão de beleza!

 

 

 

Equipe UB

Equipe UB


Nossa equipe é formada por administradores, publicitários e jornalistas apaixonados por comunicação! Estamos, dia após dia, transformando a vida de empreendedores e profissionais através da Universidade da Beleza! #UBteam

Assine nossa newsletter