8 Maiores Erros cometidos por Donos de Salão

Maiores Erros cometidos por Donos de Salão

8 Maiores Erros cometidos por Donos de Salão

Donos e gestores de salões de beleza sempre ficam próximos as grandes tomadas de decisões. Diminuir a chance de erros aqui é fundamental para o sucesso do negócio.

Por isso, vamos apresentar neste artigo os 8 maiores erros cometidos por donos de salões de beleza que podem influenciar a saúde do negócio.

8 Erros Cometidos por Donos de Salão

Leia atentamente a todos os erros e evite-os. Se você está abrindo um salão, ótimo! Vai dar para evitar os erros logo no início.

Caso você já tenha um salão ou é um gestor, analise se algum desses pontos está ocorrendo no estabelecimento sob os seus cuidados e tente corrigi-los o mais rápido possível.

Então, aqui vai os 8 maiores erros cometidos por donos de salão:

  1. Falta de gestão financeira
  2. Gastos excessivos
  3. Não medir o retorno
  4. Falta de treinamento
  5. Querer virar estrela
  6. Trabalhar no negócio e não para o negócio
  7. Não ter uma estratégia de marketing
  8. Medo de mudar

1 Fluxo de Caixa e Gestão Financeira de Salão de Beleza

O fluxo de caixa é um dos maiores problemas nas pequenas e crescentes empresas; e indústria da beleza não é diferente.

Ver o dinheiro entrando é muito bom mas entender onde deve ir (e quando deve chegar lá) é essencial. Você deve manter a sua cabeça em torno do fluxo de caixa.

No momento em que os fornecedores, aluguel, taxas, etc são pagos, o dinheiro pode ir rapidamente para fora da porta do salão tão rapidamente como ele entrou e as contas podem começar a ficar empilhadas.

Se você não tem jeito para números e contas, encontre um braço direito que possa lhe orientar e ajudar a gerir este aspecto essencial da gestão de salão de beleza.

Confira o nosso artigo que conta 5 dicas para controlar as finanças do seu salão.

2 Gastar Muito em Marcas e Produtos de Salão

Se você já visitou um dos grandes eventos da indústria beleza, você provavelmente está bem ciente do quanto as empresas de produtos cosméticos e revendedores de equipamentos trabalham para vender seus produtos para salões de beleza, com a promessa de que “todos os meus salões ganharam muito dinheiro vendendo isso.”

Não se deixe enganar! Seja implacável e não se iluda com o discurso de vendas.

Muitas vezes aqueles produtos caros não se encaixam no momento do seu salão, ou até mesmo seus clientes podem preferir uma marca com menor custo para você.

Tenha em mente o momento do seu negócio, o perfil dos seus cliente e, principalmente a sua necessidade. Não queira ter mais do que precisa.

3 Não Saber o Retorno de Cada Tratamento de Beleza

Com o desenvolvimento da tecnologia – tanto em equipamentos profissionais de beleza e pele e produtos de cuidados para as unhas, e como as novas tendências/modas vêm e vão, é fácil pensar que é preciso haver um investimento constante nos mais recentes lançamentos, caso contrário, o seu salão de beleza vai ficar para trás.

A verdade é que você vai fazer a maior parte de sua receita a partir de tratamentos de beleza “pão e manteiga”, como depilação e manicures – e que geralmente custam menos.

Um dono de salão nos relatou que investiu na formação (e produtos de apoio) pois um de seus profissionais havia dito que “todos os nossos clientes estão pedindo por isso”.

4 mil reais mais tarde descobriu que ninguém havia reservado este serviço.

Obviamente, os tratamentos de beleza que você oferece dependem de seu salão de beleza – bem como do conhecimento da sua base de clientes.

Mas para dar um exemplo, em outro salão de beleza, tratamentos faciais e corporais (os tratamentos com menor margem) compõem menos de 20% da renda enquanto apenas a depilação representa 28%.

Se você tivesse que medir mais de um mês quanto de dinheiro serviço especifico traz e contra o quanto você gasta em produtos (e tempo) para entregá-lo, você pode muito bem ser surpreendido.

Neste ponto você pode precisa ser implacável e, potencialmente, reduzir a variedade de tratamentos de seu salão de beleza.

Isto até pode perturbar alguns clientes mas você não pode basear o seu menu de ofertas (e seu modo de vida) sobre os desejos de uma ou duas pessoas.

Pare, faça cálculos, pense e tome uma decisão. Se um serviço que você oferece está te custando mais do que dando retorno, é hora de parar de oferece-lo.

4 Treinamento de Pessoal

Se o seu negócio já tem um orçamento para treinamento de comunicação entre profissional e cliente, invista o tanto quanto você investe nisso para que seus profissionais sejam capazes de comunicar de forma eficaz com os clientes.

Um salão de beleza na Inglaterra, teve resultados surpreendentes ao pagar um curso, nada barato, de comunicação de varejo para sua rede de salões.

O dono relata que seus profissionais passaram a entender a importância e também a como interagir de forma mais eficaz com os clientes (e se sentirem mais confortável e confiante em fazê-lo).

“Eles são mais acolhedores, mais apresentáveis e como resultado tivemos melhores feedbacks de clientes, aumento de novas marcações e venda de mais produtos.”

Porque o profissional ouviu e fez as perguntas certas, o cliente deixa o salão com a sensação de que receberam um valor incrível e uma experiência verdadeiramente personalizada.

No final do dia, grandes relacionamentos com clientes são a alma de um salão de beleza e precisam de cuidado e atenção.

5 Obsessão em se Tornar uma Estrela

Grande parte dos estilista desejam ser a “Star” do salão; nada de errado em ser o melhor. Querem que os seus clientes se sintam privilegiados por estar pessoalmente com um dos proprietários do salão.

Isso também desperta um certo respeito e admiração de clientes e funcionários. Isso faz, e deveria, fazer com que qualquer pessoa se sinta bem e valiosa.

Infelizmente, isso pode ser uma armadilha.

O momento em que um salão de beleza torna-se um negócio verdadeiramente valioso é o ponto em que o seu salão funciona perfeitamente quando você não está lá.

Este, afinal, é o ponto em que você pode sair de férias e ainda ganhar dinheiro . Neste ponto, o risco e trabalho duro verdadeiramente começa a dar frutos.

Mais importante, quando chega a hora de vender o seu negócio, o comprador vai intuitivamente saber que quando você se afastar todos os clientes do salão de beleza não vão com você.

O comprador vai realmente ver algo de valor, realmente vale a pena pagar, em seu salão de beleza.

6 Trabalhar no Negócio ao Invés de Para o Negócio

Como proprietário de um salão de beleza, quer você goste ou não, você transcendeu de ser um prestador de serviço para ser um empreendedor e precisa aprender a como administrar um salão de beleza.

Esta etapa inevitavelmente, mudou seu papel. Agora, você deve dedicar pelo menos uma grande parte do seu dia de trabalho, para a construção de um negócio.

Não importa o quanto você gosta de atender clientes, agora é necessário que você trabalhe em diferentes problemas e se dedique menos tempo para os clientes.

No entanto, se isso deixa você realmente sem dormir a noite, talvez seja a hora de encontrar um braço direito.

7 Não ter uma estratégia de Marketing para Salão

No ambiente competitivo de hoje, você tem que ir com uma sólida estratégia de marketing. Certifique-se de que você tem um site e tenha certeza que seu site está registrado no Google+ Local e no Facebook.

Para qualquer estratégia de marketing  ser eficaz ela precisa ser executada. Para qualquer estratégia de marketing ser sustentável, deve ser medida e avaliada.

Certifique-se de perguntar a cada cliente como eles chegaram até você. Mantenha o controle e anote essas informações .

Invista mais tempo e dinheiro nas coisas que lhe trazem mais clientes. Calcular o custo por novo cliente ( CPC ) com base em quanto tempo e dinheiro você gastou em cada atividade de marketing e quantos clientes você recebeu diretamente a partir dela.

Faça mais das atividades que têm um CPC menor que os outros. No longo prazo , você vai ter uma máquina de marketing que funciona de forma eficiente, trazendo-lhe um fluxo constante de novos clientes com o menor custo possível.

Se quiser dicas de marketing para salão de beleza confira esses outros artigos:

 8 Medo de mudar

Assim como qualquer ser humano em tempo de mudança, neste caso proprietários de salão tendem a querer ficar em sua zona de conforto.

É preciso vencer a resistência à mudança e se esforçar para novas maneiras de pensamento. Com uma mente mais aberta e sem medo do fracasso, é mais fácil estar disposto a admitir falhas e erros e procurar ajuda.

Superar o medo do fracasso é um desafio que muitos proprietários não estão dispostos a assumir. E este é o primeiro passo para a mudança.

É muito mais fácil continuar a ter desculpas ao invés de colocar para fora o esforço necessário para enfrentar os desafios do mundo dos empresários.

Dica Extra Para Evitar os Erros

Hoje em dia a tecnologia pode nos ajudar a evitar os erros listados neste artigo. Uma boa solução é a utilização de um programa para salão de beleza.

Programa, software, sistema ou ERP para salões de beleza. É com estes nomes que você consegue achar um programa que pode te ajudar em tudo que comentamos aqui, desde o controle do caixa até a mensuração de campanhas de marketing.

Modernize a sua gestão e evite os erros que podem comprometer os seus resultados. Confira mais sobre os programas para salão e não cometa os erros que foram citados aqui.

4 Comments

Post a Comment