Descubra como a música pode ajudar seu salão a reter clientes

Descubra como a música pode ajudar seu salão a reter clientes

 “Onde há música não pode haver coisa má.” Miguel de Cervantes

Você possivelmente está se perguntando o que a música tem haver com o marketing, clientes e, principalmente, com o seu negócio.

O conceito de ser influenciado por um som, que é algo abstrato e efêmero, pode parecer estranho. Imaginar então no impacto que uma música de fundo pode ter na nossa clientela pode parecer ainda mais estranho.

musica

Mas se você reparar bem a música já é componente diário de negócios, pequenos e grandes. É só ir ao Shopping e perceber que marcas de roupa como Osklen, Reserva e Zara, por exemplo, possuem um fundo musical composto por uma lista compatível com a “cara” da loja.

O som tem poder de criar intimidade entre a marca e seu publico. No caso da imagem podemos escolher se queremos olhar ou não, mas no caso do som não há defesa.

Há uma relação cíclica entre o estado de espírito e a música que o sujeito está a ouvir no momento e, claro, o seu comportamento. Como por exemplo, a música nos supermercados. Dizem que consumidores não gostam de multidão, também não gostam de vozes ressonantes num hipermercado vazio. Esta sensação fará com que abandonem o local mais depressa. A música de ambiente resolve este problema. Outra aplicação da música, também curiosa, é a capacidade comprovada que possui de aumentar a produtividade nos ambientes de trabalho.

Porque a música ajuda a ter mais clientes

É simples. É do conhecimento geral que a música tem um grande poder sobre as emoções e a psique humana. Dessa maneira, ela pode ser utilizada para manipular as pessoas, seja essa manipulação bondosa ou maldosa.

A música não só promove o equilíbrio, proporcionando um estado agradável de bem-estar, como também ajuda o cérebro a funcionar melhor, pois faz com que regiões diferentes sejam ativadas, melhorando também a capacidade de memória e empatia.

Agora imagina a sensação de sua cliente ao sair de seu salão após uma boa dose musical? De quem ela irá se lembrar? Para quantas pessoas ela irá contar?

Sim, a música é realmente uma peça importante na fidelização de clientes e no marketing de qualquer empresa, independente do tamanho!

Por onde começar

A definição de um “tipo de música” começa com a compreensão da verdadeira essência da sua marca e da sua clientela. Tudo isso deve vir antes de encontrar a linguagem musical  que irá criar empatia e uma atmosfera inesquecível no seu espaço.

Se você não tem conhecimento e nem paciência basta pedir ajuda para algum parente ou amigo. Todos nós conhecemos alguém apaixonado por música e que faria isso com todo prazer.

Comece devagar e consulte sua clientela. Pergunte o que elas gostam de escutar, anote.

Existem também muitas listas já prontas na internet e se você procurar direito encontrará ótimas listas para música ambiente. Além disso, existem alguns sites que poderão te ajudar: Playlists do youtube.com ou listas online: Last.fm, Stereomood e Grooveshark.

Dicas finais

  • Cuidado com altura do som. Você não quer que o tiro saia pela culatra e nem deixar todo mundo surdo né?
  • Tenha muito, mas muito cuidado, na seleção do tipo musical. Isso também pode ser imperdoável.
  • Peça ajuda, conselho e pergunte. Mas deixe sua marca na memória de seus clientes e eles irão voltar para você.

Se você gostou compartilha, comente e deixe seu email ao lado para, em breve, receber em primeira mão dicas de playlists, como escolher, buscar e montar listas de graça na internet, soundbranding e muitos outros segredos de marketing para salões de beleza e espaços de estética.

E você o que acha disso tudo? Quer compartilhar alguma experiência ou tem uma sugestão musical?

 

7 Comments

Post a Comment