5 dicas para quem quer abrir uma salão

5 dicas para quem quer abrir uma salão

Abrir salão de beleza é o sonho de um número cada vez maior de homens e mulheres de olho em uma fatia do mercado que não para de crescer. De acordo com a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), realizada no Brasil pelo Sebrae e pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), 52% dos empregos formais são gerados hoje pelos pequenos negócios, 40% de toda a massa salarial do país.

Segundo o Sebrae, cerca de 7 mil salões de beleza são abertos por mês, mas o número de CNPJs nas categorias micro e pequena empresa (MEIs) considerando as classificações “Cabelereiros e Manicures” e “Outras Atividades de Beleza” já somam mais de 400 mil em todo o território nacional. Considerados bens de primeira necessidade para a maioria absoluta das mulheres, ainda que haja espaço para todos, a grande concorrência faz com que o caminho para o sucesso não seja tão fácil assim: é preciso saber como abrir salão para não acabar fechando as portas antes do quinto ano de vida. Confira aqui algumas dicas de como abrir um salão de beleza e começar o seu negócio com o pé direito.

1 – Planejamento é a chave do sucesso, sempre

Vontade e competência são necessários sim, mas também muito planejamento. Para isso você deve fazer um plano de negócio tendo estratégias bem definidas, ainda que flexíveis para abranger aquelas surpresinhas que aparecem pelo caminho. Defina seu público-alvo, o tipo de serviços que você vai oferecer a princípio, os caminhos para o seu crescimento, como buscar financiamento e investidores, quantos profissionais pretenderá ter na equipe, a forma de contratação, plano de carreira para reter seus melhores talentos, estratégias de divulgação etc.

Coloque tudo na ponta do lápis e revise várias vezes, reformulando tudo o que for preciso até chegar a um planejamento redondo, mas não engessado. O principal é não deixar pontas soltas que podem atrapalhar seus negócios mais tarde.

2 – Escolha um local que tenha visibilidade e aceso fácil

Pense bem no público que você pretende alcançar: jovens estudantes, senhoras e donas de casa, público fashion, pessoal fit? Qual a classe social que quer atingir? a partir daí comece a procurar um local que tenha a ver com as características definidas do seu público-alvo – próximo a escolas, cursos e universidades, academias e centros esportivos, shopping centers e supermercados, etc.

Preste atenção também na facilidade de acesso, isso é primordial em todos os casos, seja para quem usa transporte público e precisa de pontos próximos, seja para quem só anda de carro e precisa de estacionamento farto. Leve em consideração também a segurança e o horário que você ficará aberto, relacionando o fluxo de pessoas que passam pelo local até a hora de fechar, a iluminação da rua e a presença policiamento ou a necessidade de contratação de seguranças.

3 – Escolha um nome que reflita o espírito do seu salão

Pense bem, 7 mil salões de beleza abertos por mês requer muita imaginação para escolher um nome? Pode ser que não. Imagine que muitas vezes um nome simples, que espelhe uma atividade principal, defina o seu perfil ou tenha a ver coma identidade do seu público-alvo pode “colar” muito ais do que nomes elaborados. Lembre-se que na moda e na beleza, na maioria das vezes o menos é mais.

4 – Atenção a todos os aspectos legais

Esteja abrindo uma MEI ou um salão com uma equipe grande, você precisa de alguém especializado e legalmente capacitado para fazer a sua contabilidade, cuidar da tributação e dos aspectos legais da contratação de funcionários. Procure sempre estar em dia com suas obrigações tanto com o fisco quanto com seus colaboradores, definindo com antecedência a forma de contratação e arrecadando todos os encargos mensalmente.

Uma boa dica são os softwares de gestão de salão de beleza que permitem que você controle tudo de qualquer lugar e a qualquer hora, guardando seus dos online e facilitando a consulta. Assim você fica sempre a par das finanças do seu salão de beleza de forma a pode tomar decisões estrat´pegicas com mais facilidade.

5 – Crie uma identidade visual e invista em uma estratégia de marketing

Tão importante quanto o nome do salão é a identidade visual da empresa. Crie uma logo que diferencie seu salão dos demais, passando credibilidade e facilitado a memorização dos seus serviços. Ela será a sua representação gráfica, que deverá estar em todo material de divulgação, como uma tatuagem. levante as principais características da sua empresa e pesquise a respeito de histórias, mitos e símbolos que tenham a ver com o seu salão de beleza. A Nike, por exemplo, buscou inspiração na mitologia grega.

Você pode usar só a logo ou combiná-la com o nome do salão, pense no que é melhor e monte uma estratégia de marketing através de blog, site, e-mail marketing e redes sociais, mas também com material impresso que reflita a sua identidade visual. Escolha as cores com cuidado, pesquise o efeito delas nas pessoas mas não abuse da quantidade: mais uma vez, menos é mais. Informação demais confunde em vez de ajudar.

Prestando atenção nessas dicas de como abrir um salão de beleza você poderá criar diferenciais que o ajudarão a se destacar no mercado, conquistando o sucesso que você merece.

Gostou dessas dicas ou ainda tem alguma dúvida? Compartilhe coma gente suas ideias aqui nos comentários!

1 Comment

  • Jackson Balan
    31/05/2016

    Eu gostaria de fazer algum tipo de pesquisa com as pessoas da região próxima onde vou motar o salão, para saber o que mais elas procuram o que falta na redondeza e etc. Teriam algumas dicas para me dar em relação a isso? desde já obrigado!

Post a Comment